Museu Interativo do Megalitismo – Núcleo Regional do Megalitismo


Localizado praticamente no centro da vila de Mora, a escassos quilómetros do Fluviário, o Museu do Megalitismo, único a nível nacional, é a concretização de um sonho antigo da autarquia, no sentido da valorização do vasto e riquíssimo património megalítico existente no concelho.

Inaugurado a 15 de setembro de 2016, o Museu integra e reabilita a antiga estação ferroviária de Mora e ainda dois novos edifícios destinados ao núcleo museológico e à área de cafetaria.
A estrutura antiga acolhe espaços de lazer para os jovens e crianças, com livre acesso a uma sala de internet, a uma biblioteca e a uma sala com diversos jogos interativos que, de forma lúdica, alargam o conhecimento.

Construído de raiz, o espaço museológico de 750 metros quadrados acompanha a modelação do terreno e integra três espaços representativos do quotidiano das populações: a Vida, a Morte e a Contemplação. Aqui, o visitante é acolhido por um filme em 3D que retrata a vida num povoado neolítico e nos faz viajar no tempo. As diferentes mesas interativas permitem ao visitante aceder à informação sobre as peças expostas – algumas com mais de seis mil anos –, descobrir como se fazem as escavações e partir à descoberta do maravilhoso mundo do megalitismo.

As várias centenas de peças expostas – cedidas maioritariamente pelo Museu Nacional de Arqueologia – são provenientes das dezenas de escavações arqueológicas que tiveram início em 1914 no concelho de Mora, pelo arqueólogo Vergílio Correia, e das quais resultou, depois, a obra El Neolítico de Pavía, editada em 1921.
Os quatro edifícios do Museu estão interligados por um corredor protegido com placas metálicas, cujas pequenas aberturas simbolizam o geometrismo das placas de xisto.

 





Consulte aqui o site oficial.




< Voltar à lista de sugestões culturais